Fundação Dom Cabral
00A1BE FFFFFF
 

Publicação

Desafios, barreiras e soluções na adoção do BIM e do LEAN para melhoria da produtividade na construção civil.
Buscar apenas publicações disponíveis para download
Baixe o pdf https://ci.fdc.org.br/AcervoDigital/Disserta%C3%A7%C3%B5es%20FDC/MPA%202022/Diserta%C3%A7%C3%A3o_Bryan%20Michael%20M%C3%BCller.pdf Baixe o Abstract  

Desafios, barreiras e soluções na adoção do BIM e do LEAN para melhoria da produtividade na construção civil.

2.022 2022.  102 f. MÜLLER, Bryan Michael;  SOUSA, Paulo Renato de. Dissertações FDC Müller, Bryan Michael MÜLLER, Bryan Michael;  SOUSA, Paulo Renato de. O objetivo deste trabalho é contribuir para a compreensão dos desafios, barreiras e soluções enfrentadas para a implementação do BIM (Building Information Modeling) e do LC (Lean Construction) com foco na indústria da construção civil brasileira. Para essa finalidade, foi realizada uma extensa revisão na literatura envolvendo os dois temas, uma pesquisa mista considerando uma etapa quantitativa através de uma survey respondida por 215 executivos da construção civil brasileira distribuídos em 15 estados do norte ao sul do país e uma pesquisa qualitativa com 15 executivos de alto nível nas organizações que tiveram experiência prática na implementação dos dois conceitos, considerando para a amostra diferentes subsegmentos da indústria e portes de empresa. Os resultados obtidos e a literatura apontam uma baixa adoção das soluções no segmento, considerando a pesquisa quantitativa dos 215 respondentes, 72 indicaram a implementação de pelo menos uma das estratégias e 32 indicaram a implementação das duas estratégias, o que é reforçado pela literatura com relação à baixa adoção dessas soluções na indústria da construção. Como os principais resultados no presente estudo foram identificadas e priorizadas como barreiras do LC: (i) liderança; (ii) resistência à mudança; (iii) filosofia de longo prazo e planejamento; e (iv) cobrança por resultados de curto prazo, e BIM: (i) liderança; (ii) demanda do cliente inexistente; (iii) profissionais BIM dedicados e qualificados; (iv) tempo; e (v) pouca difusão, e como soluções para a adoção do LC (i) iniciativa da liderança e (ii) capacitação como principais e BIM (i) capacitação e (ii) contratação de consultoria como principais. Os executivos em ambos os casos reforçam que tanto o LC quanto o BIM trazem mudanças de cultura e precisam ter o suporte da liderança da empresa e a capacitação dos profissionais como pontos fundamentais da transformação. O estudo também contribui para a literatura existente evidenciando a sinergia entre o LC e BIM e os benefícios destes quando implementados em conjunto. Português Documento eletrônico