00A1BE FFFFFF
 

Publicação

Trajetórias de carreira na enfermagem: um estudo comparativo de casos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO / ADM (2017, Ponta Grossa, PR).
Buscar apenas publicações disponíveis para download
Baixe o pdf   Baixe o Abstract  

Trajetórias de carreira na enfermagem: um estudo comparativo de casos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO / ADM (2017, Ponta Grossa, PR).

2.017 Ponta Grassa, PR: ADM, 2017. Anais eletrônicos...   SILVA, Rodrigo Gomes da;  SANT'ANNA, Anderson de Souza. Trabalho de evento Silva, Rodrigo Gomes da SILVA, Rodrigo Gomes da;  SANT'ANNA, Anderson de Souza. Este artigo tem como propósito central apresentar resultados de estudo destinado a investigar
trajetórias de carreira em três especializações profissionais da enfermagem - Auxiliar de
Enfermagem, Técnico de Enfermagem e Enfermeiro -, considerando diferentes grupamentos
etário-geracionais. Em termos metodológicos a pesquisa que o subsidiou pode ser
caracterizada como de natureza qualitativa, conduzida por meio do método de estudo de
casos múltiplos, envolvendo a realização de entrevistas semiestruturadas e em profundidade.
Os relatos obtidos foram tratados com base nos procedimentos prescritos pelas técnicas de
história de vida e de evocação de imagens. Como resultado pode-se observar que as três
especializações representadas por distintas gerações apontam para peculiaridades quanto ao
perfil e valores profissionais. O entrevistado da geração Babyboomer, por exemplo,
apresenta-se mais ?fiel? à profissão, ao trabalho em si e às instituições a que se vincula,
desenvolvendo nas mesmas carreiras longas. Já o profissional da Geração X demonstra,
comparativamente aos Babyboomers, maior valorização à carreira pessoal vis-à-vis ao
trabalho em si e ao ?apego? organizacional. O entrevistado da Geração Y, por sua vez,
revela, comparativamente às duas outras, menor vinculação à carreira, à instituição e à
ocupação, apresentando-se mais contraditório quanto a suas escolhas profissionais e
movimentando-se com maior intensidade no mercado de trabalho. Em suma, o conjunto dos
achados corroboram percepções empíricas, bem como dados de pesquisas científicas que
apontam para diferenças quanto à compreensão da noção de carreira entre distintas
especializações e grupamentos geracionais que atualmente convivem nos contextos
organizacionais.
Português