00A1BE FFFFFF
 

Publicação

Competências individuais e modernidade organizacional: um estudo comparativo entre profissionais de organizações mineiras e baianas.
Buscar apenas publicações disponíveis para download
Baixe o pdf http://www.scielo.br/pdf/gp/v23n2/0104-530X-gp-0104-530X1191-15.pdf Baixe o Abstract  

Competências individuais e modernidade organizacional: um estudo comparativo entre profissionais de organizações mineiras e baianas.

   Gestão e Produção, v.23, n.2, p. 308-319, 2016.   SANT'ANNA, Anderson de Souza  et al. Artigo   SANT'ANNA, Anderson de Souza  et al. Este trabalho tem como objetivo central comparar resultados de duas pesquisas empíricas destinadas a investigar relações entre os construtos Competências Individuais e Modernidade Organizacional. Em outros termos, investigar até que ponto o discurso que faz apelo à valorização dos trabalhadores e à necessidade de competências
cada vez mais sofisticadas tem sido suportado por uma modernidade na gestão das organizações investigadas.
Utilizando como referencial teórico o modelo de indicadores de modernidade organizacional, assim como revisão procedida por esse autor de estudos anglo-americanos e franceses sobre o construto Competência. Para tal, analisa resultados de dois levantamentos empíricos abrangendo um total de 703 profissionais vinculados a organizações mineiras e baianas. Em termos metodológicos, os levantamentos podem ser caracterizados como de natureza quantitativa, realizados por meio da técnica de survey. Os resultados revelam que a demanda por profissionais dotados de competências cada vez mais abrangentes e sofisticadas não tem sido acompanhada, em mesmo nível, por uma modernidade de políticas e práticas de gestão, sugerindo a necessidade de ambientes organizacionais mais aderentes aos novos perfis profissionais requeridos.
Português