Fundação Dom Cabral

 
Encontre um programa

Parceria para o Desenvolvimento do Acionista e da Família Empresária - PDA

Cooperação entre acionistas de empresas familiares.

Em parceria com:



A Parceria para o Desenvolvimento do Acionista e da Família Empresária – PDA tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento de empresas familiares, auxiliando seus membros na criação de um ambiente favorável à discussão e à construção de um futuro maduro e profissionalizado, garantindo assim a perenidade do negócio, a preservação do patrimônio e a harmonia das relações familiares.

O PDA conta com mais de 15 anos de existência e cerca de 3 mil participantes, auxiliando mais de 5.400 famílias empresárias, tendo atuado em diversos Estados nas cinco regiões do Brasil.

O PDA é baseado em 3 pilares fundamentais:

Desenvolvimento: Momento em que os participantes recebem o aporte conceitual sobre temas importantes para as empresas familiares.

Monitorias: Oportunidade de aplicação do conhecimento recebido a partir das necessidades específicas de cada família, sempre com especialistas da FDC trabalhando em conjunto.

Intercâmbio/rede: Espaço para troca de informações entre as diversas famílias participantes, que compartilharão suas histórias, experiências e soluções encontradas.


Participantes

Membros de uma família empresária (fundadores, cônjuges, sucessores e herdeiros de segunda, terceira e quarta gerações), que trabalham na empresa ou não.
 
Metodologia

O PDA usa como metodologia entrevistas com os membros familiares, aportes conceituais, troca de experiências e foco na aplicação prática do conhecimento, em um processo que ocorre em etapas específicas.​
 
 Logo no período inicial, os participantes responderão a perguntas a respeito de questões da família, do patrimônio e da gestão, além de uma entrevista coletiva com todo o grupo familiar. A análise desse material oferecerá um diagnóstico da família empresária, que servirá como base para o desenvolvimento de um Planejamento Estratégico Familiar.

 Com o Planejamento Estratégico Familiar em mãos, cada família terá seu plano de ação com monitorias para desenvolver conforme suas necessidades específicas. Ao longo do Programa, as famílias participantes receberão a aplicação prática do conhecimento com especialistas da FDC, de maneira a favorecer a resolução de suas questões particulares, que podem envolver a construção do acordo de acionistas, a coesão familiar, o desenho e a implantação da governança corporativa, o planejamento patrimonial, entre outros.

 O aporte conceitual se dará por meio do desenvolvimento de até 14 módulos presenciais mensais de dois dias cada. Neles serão abordados temas de interesse geral para as famílias empresárias, como relações de confiança, mitos e valores familiares, governança corporativa, conselho de administração e de família, family office, planejamento patrimonial, direitos e deveres dos acionistas, acordo de acionistas, administração de conflitos, sucessão, finanças corporativas, valuation, mercado de capitais, gestão de fortuna, responsabilidades legais, entre outros.

 Intercâmbios e atividades estruturadas de benchmarking serão realizados entre os diversos públicos da empresa familiar, promovendo a integração e a troca de experiências e discutindo os desafios específicos de cada grupo da família empresária.

 Durante a realização do Programa, o grupo familiar será acompanhado e avaliado, observando-se a sua evolução.

 O processo de geração de conhecimento será efetivado por meio da produção sistemática de artigos, cases, pesquisas, estudos, etc., sobre o tema “empresas familiares”.

Resultados

• Melhoria dos aspectos de relacionamento e de coesão familiar.
• Incentivo ao diálogo, ao respeito, à colaboração e ao apoio mútuo.
• Identificação dos valores e mitos familiares, bem como sua influência no contexto da empresa e da família.
• Melhor compreensão das vantagens de acordos e protocolos familiares.
• Melhor qualificação do processo de sucessão.
• Entendimento das expectativas das novas gerações e suas repercussões na continuidade do negócio e nas relações familiares.
• Criação de um ambiente adequado para o desenvolvimento e/ou aperfeiçoamento de governança corporativa.
• Conscientização da importância de um planejamento adequado de ações, com o objetivo de preservar o patrimônio e maximizar o valor da empresa.​

 
 
 
 

Depoimentos

 
"Entender que uma empresa sobrevive de pessoas competentes e profissionais qualificados e que muitas vezes elas não estão na família. Isto é, nem todos os sócios e herdeiros devem trabalhar na empresa, somente os que irão acrescentar positivamente na gestão."
 
Luiz Coelho Coutinho, Diretor-Presidente, Extrabom Supermercados
 
"O PDA foi para nós um processo de aprendizado para distinguir o papel da família e de uma sociedade: o que é ser sócio e não dono, respeitar a individualidade e compreender o que é ser pais, filhos, irmãos e sócios. Facilitará, em muito, a sucessão familiar. Obrigado, mestres, pelo carinho e dedicação."
 
Rui Altenburg, Diretor-Presidente, Altenburg Indústria Têxtil

Assuntos Relacionados

Governando a empresa familiar.

Este livro aborda diversos aspectos relacionados à dinâmica das empresas familiares, tentando visualizar sua longevidade. Afinal, por quanta...

​Como profissionalizar uma empresa familiar passo a passo

Eduardo Valério ​Chega um momento em que uma empresa familiar precisa dar um passo adiante e profissionalizar a sua gestão. Concorrência ac...
X

Encontre um programa

Tema



















Localidade

Duração

Nível Hierárquico

Acompanhe nas redes