Encontre um programa

A prosperidade empresarial e os seus desafios foram o tema que envolveu os debates e palestras do Fórum Anual FDC de Governança e Gestão, que aconteceu entre os dias 23 e 25 de outubro no Campus Aloysio Faria, em Nova Lima, MG. 

O Fórum, realizado em conjunto com o 19o Encontro da Rede PAEX e o 7o Encontro da Rede PDA, reuniu cerca de 500 lideranças empresariais para debater com professores, filósofos e especialistas diversos temas da atualidade e do universo empresarial. Na abertura do evento, o diretor executivo de Desenvolvimento de Médias Empresas, Infraestrutura, Marketing e Comunicação Corporativa da FDC, Paulo Emílio Carreiro, fez uma análise histórica sobre a saga do Império Britânico e as relações com a prosperidade empresarial. Logo depois, Carlos Arruda, professor e gerente do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da FDC, contextualizou os desafios da prosperidade empresarial, tema do Fórum, e a palestra magna, proferida por Leandro Karnal, abordou “Ética e Democracia no Brasil”. O filosofo e historiador lembrou aos participantes que “só a ética garante a escolha e a liberdade”.

O evento ainda contou com uma vasta programação, com temas como macroeconomia, megatendências, ética e sucessão. O professor associado da FDC, José Pascoal Rossetti, apresentou uma palestra sobre macroeconomia no Brasil e no mundo, tecendo um paralelo dos cenários nacional e internacional, abordando aspectos das economias emergentes e apontando que a grande variável crítica brasileira é a falta de investimentos. O economista e professor associado da FDC, Carlos Alberto Primo Braga, abordou o tema das megatendências. Segundo ele, vivemos em uma era de ansiedade, com o intenso desafio de se integrar a uma economia mundial e suas complexidades. O papel do empresário no desenvolvimento ético da sociedade foi abordado por Viviane Mosé. De acordo com a filósofa, a ética irá pautar a economia no mundo contemporâneo e o setor produtivo e os empresários são os responsáveis por esse debate. O painel sobre ética contou com as presenças, além de Viviane, de Renato Torres, vice-presidente de Investimento da AGSA, Jorge Hage, ex-ministro de Estado e Chefe da Controladoria Geral da União (CGU), e a mediação do professor da FDC, Dalton Sardenberg.

José Ernesto Bologna, professor convidado da FDC, apresentou a palestra “Nós e o Futuro – contexto brasileiro, ética e sucessão empresarial”. O palestrante Eduardo Gusso apresentou a importância da sucessão para a prosperidade empresarial, seguido de um painel sobre o tema com as participações de Aguinaldo Diniz Filho, presidente do Conselho de Administração da Cedro Textil e de Henrique Salvador Filho, conselheiro da FDC e presidente do Hospital Mater Dei. Ainda com o tema “sucessão”, o cofundador e presidente da Diretoria Estatutária da FDC, professor Emerson de Almeida, falou sobre a construção do seu livro “A Sucessão como ela é – de sentimentos a jogos políticos nas organizações”. Em sua exposição, professor Emerson salientou que o lado humano está presente em todo o processo sucessório.

No último dia do Fórum, a programação contou com a palestra do diretor executivo da Kellogg Innovation Network, Robert Wolcott, com o tema “O imperativo do Crescimento para a Longevidade Organizacional”. O executivo Marcelo Barreiros de Carvalho Tabacchi, presidente da Faber-Castell Brasil e América Latina, apresentou “Os desafios da Propriedade Empresarial – Case Faber-Castell”. E a palestra de encerramento teve a presença do jornalista e escritor Eduardo Bueno, que abordou o tema “Brasil – Uma história de cinco séculos de um país em construção”.


Nenhum comentário para esta postagem.

Adicionar Comentários

Nome *


Email *


Telefone


Comentário *


Validar *

 

Anexos

* Campo obrigatório

Você, que é atual ou ex-participante do Executive MBA, clique aqui e envie a sua sugestão de post!

Enviar Mensagem
 

 

 

Acompanhe nas redes